Sabe quando gostamos de alguém e tentamos de tudo para fingir que não sentimos esse sentimento? Quando a vejo tenho certeza que minhas pupilas dilatam por que começo a suar frio e sinto algo na minha barriga, por incrível que pareça eu ouço as batidas do meu coração me entregando a cada vez que nos abraçamos. Seu toque me da choque e a noite me reviro na cama querendo te ver e encarar seu sorriso, é estranho para eu desejá-la tanto, ela merece uma pessoa boa, uma pessoa melhor que eu; e a cada dia que se passa repito isso para mim, tentando me convencer, mas só basta um segundo ao te ver para perder todo o foco. É como se eu estivesse corrido horas por que quando te vejo tenho que recupera o fôlego que nem sei como perdi.
Mais uma vez o destino nos unio e meu coração falta pouco saltar. Olhando pra você sinto minhas mãos formigarem de vontade que tenho de ti tocar. O vento gelado e seco levanta seu cabelo, dá passos largos fugindo do tempo, como queria que soubesse como me sinto ao te ver assim. Se eu pudesse te esquentaria nesse frio, te envolveria num abraço apertado e demorado, te deixaria quente com o calor do meu amor, nosso amor. Todos meus desejos ficam em segredo, apenas sorrio enquanto se aproxima...

- Melissa Moreira 


Deixe um comentário